Voltar ao início
PÁGINA INICIAL ADICIONAR AOS FAVORITOS INDIQUE ESTA PÁGINA FALE CONOSCO Facebook

As amostras de fezes devem ser colhidas a fresco e não expostas ao sol, pois os parasitos são frágeis e podem desaparecer prejudicando os resultados. É importante ser enviadas ao laboratório, em recipientes apropriados, no mínimo 3 amostras de fezes de cada animal colhidas em dias alternados, pois os parasitos são eliminados de forma intermitente nas fezes.

- Pequenos animais: coletar fezes imediatamente após a defecação, preferencialmente a porção que não entrou em contato com o solo, e em quantidade suficiente (10 a 20g).

- Grandes animais: coletar diretamente do reto. Em caso de rebanho pode-se fazer o O.P.G (ovos por gramas de fezes) que é um exame apenas quantitativo. Neste caso, deve-se colher uma pequena amostra de alguns animais do mesmo lote e envia-las para o exame. Refrigerar imediatamente (2-8°C). Nunca congelar amostras de fezes.

Porque é Importante realizar exame de fezes?

O exame parasitológico de fezes (EPF) deve ser realizado quando os animais apresentarem palidez nas gengivas; anemia; diarréia com aspecto sangrento, escuro ou pegajoso; fraqueza, perda de peso e morte súbita nos filhotes; prurido (coceira) perianal. A importância do exame está em identificar precocemente o tipo de parasito que está acometendo o animal e realizar um tratamento eficiente.

 

Veja também

Acesso exclusivo a clientes cadastrados.

Acesso aos laudos, requisições, extratos e relatórios.

Rua Tito Lívio Zambecari, 455 - Mont'Serrat - Porto Alegre/RS - Fone: (51) 3330.7710 - Fax: 3024.7820

© 2010-2018 Laborvet - Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva