Voltar ao início
PÁGINA INICIAL ADICIONAR AOS FAVORITOS INDIQUE ESTA PÁGINA FALE CONOSCO Facebook

A colheita da urina pode ser realizada por:

- Micção espontânea

- Massagem da bexiga para induzir a micção

- Cateterismo: Catéter estéril, lubrificado com antibióticos

- Punção direta da bexiga: cada vez mais utilizada. Fazer tricotomia, apalpar a região, introduzir uma agulha de fino calibre (25 x 7) seringa 20 ml.

 
 
 

- É importante após o procedimento de colheita armazenar em um recipiente apropriado e manter refrigerado até o momento da análise (2°-8°C).
- A coleta para realização do sedimento urinário não necessita de assepsia total, podendo ser recolhida do local onde o animal urinou com a ajuda de uma seringa sem agulha e em seguida deve ser transferida para o frasco adequado, limpo e seco.
- Na colheita de cálculos urinários, estes devem ser mantidos em temperatura ambiente, não sendo necessário uso de conservantes.

Porque é importante realizar exame de urina?

O exame qualitativo de urina (E.Q.U) é importante para verificar os sinais clínicos de doença renal ou dos órgãos urinários, para exames de triagem em internamentos e pré-cirúrgicos e interesse em complementar o diagnóstico, acompanhando o quadro clínico. Deve ser solicitado esse exame, além das situações citadas, quando o animal apresentar dor ao urinar, freqüentes micções e aumento no volume de urina.

 
 
 
 

Veja também

Acesso exclusivo a clientes cadastrados.

Acesso aos laudos, requisições, extratos e relatórios.

Rua Tito Lívio Zambecari, 455 - Mont'Serrat - Porto Alegre/RS - Fone: (51) 3330.7710 - Fax: 3024.7820

© 2010-2018 Laborvet - Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva